AVANCE CORAJOSAMENTE E ULTRAPASSE SEUS LIMITES

QUEM AVANÇA CORAJOSAMENTE ULTRAPASSA SEUS LIMITES E VENCE[1]

Josué 1:9

A coragem toma a direção e avançamos com segurança à medida que acionamos a fé[2]. O medo é superado e a confiança vai sendo ampliada em nossa vida quando deixamos de andar por vista e passamos a andar pela fé. Os resultados vão surgindo à medida que vamos eliminando as ervas daninhas de nosso território. Um território bem cuidado, aumenta em muito o potencial de produtividade.

Satanás tem jogado seus dardos no sentido de intimidar a sua produtividade e potencial. Ele quer te colocar para baixo, ou te fazer conformar e descuidar do seu sonho ou propósito. Maior é Deus e, consequentemente, quando confiamos nele passamos a fazer a diferença – Cristo em vós, esperança de glória. As provações que enfrentamos não precisam limitar a obra de Deus em nós – mesmo porque agindo Deus, quem impedirá? Paulo, apóstolo desbravador, disse que nada poderá nos separar do amor de Deus.

Quando Davi chegou a Ziclague com seus 600 homens, tudo parecia acabado, 1Sm 30:1-6. Os amalequitas tinham atacado a cidade e levado suas famílias em cativeiro. Os homens que estavam com Davi estavam desolados – choraram até perderem as forças. De repente, fracassados, resolveram apedrejar seu líder Davi, 1Sm 30:6. Por fim, o exército de Davi deu a volta por cima e resgatou tudo o que os inimigos tinham levado. Todavia, isso só aconteceu porque Davi fez algo que promoveu a diferença: “Davi, porém, fortaleceu-se no Senhor, o seu Deus” (1Sm 30:6).

Para nos enchermos de coragem é preciso duas coisas: 1) lembrar de tudo o que Deus já nos fez – “Grandes coisas fez o Senhor por nós e por isso estamos alegres”; 2) Lembrar das promessas que Deus nos deu – “Deus não é homem para que minta, nem filho de homem para que se arrependa. Porventura, tendo falado não cumprirá?”

A provisão de Deus que temos visto nos ensina a confiar quanto ao que não vemos.

Nossa maior força se encontra no aquietarmos e confiarmos em Deus. Ele é nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia, portanto, não temeremos ainda que…, Sl 46:1-2.

No final de janeiro de 1956, durante os dias tensos do boicote de Montgomery (Alabama, EUA), o Dr. Martin Luther King Jr., ativista defensor dos direitos civis dos negros, não conseguia dormir. Um telefonema ameaçador o havia apavorado. Então ele orou: “Senhor, eu estou aqui para defender o que creio ser o certo. Mas, Senhor, preciso confessar que agora me sinto fraco, estou vacilando. Estou perdendo a coragem. Estou com medo… as pessoas estão olhando para mim buscando uma liderança, e se eu me apresentar diante delas sem forças e coragem, elas também vão vacilar. Estou no fim das minhas forças… sozinho não vou conseguir”.

Mais tarde, o Dr. Martin Luther King escreveu: “Naquele momento, eu experimentei a presença de Deus como nunca tinha sentido antes. Era como se pudesse ouvir a silenciosa certeza de uma voz interior, dizendo: Levante-se a favor da justiça, levante-se pela verdade, e Deus vai estar ao seu lado para sempre. Quase que imediatamente, meus temores começaram a desaparecer. A certeza brotou, a incerteza morreu. Eu estava pronto a enfrentar qualquer coisa”.

O Dr. King queria ver as pessoas de todas as raças, livres de danos provocados pelo racismo e preconceito.

Se enfrentamos oposição quando estamos empenhados em fazer o que é certo, precisamos também clamar e confiar no Senhor. Somente Ele é a nossa “rocha de refúgio, uma fortaleza poderosa para me salvar” (Sl 31:2). Ele é nossa fonte de confiança que nos dá força e proteção. “Os que confiam no Senhor serão como os Montes de Sião que não se abalam, firmes para sempre” (Sl 125:1).

Quando mais nada nos resta a não ser Deus, descobriremos que Ele é suficiente. “Aqueles que esperam no Senhor renovarão as suas forças, subirão com asas como águia, correrão e não se cansarão, caminharão e não se fatigarão” (Isaías 40:31).

 

 

Pastor Wanderley da Silva

 

 

 

[1] Música Tu és o meu Deus, Eyshila.

[2] O justo viverá da fé, e se ele recuar a aminha alma não se compraz nele.

Deixe uma resposta